• menu1
10/03/2016 12h44 - Atualizado em 10/03/2016 12h44
Inscrição para a seleção ao curso de Biologia Parasitária na Amazônia da UEPA até amanhã, 11.
Da Redação
Portal FADESP
A-A+ Tamanho da Letra
Ampliar imagem
Inscrição para a seleção ao curso de Biologia Parasitária na Amazônia da UEPA até amanhã, 11.

A inscrição para o processo seletivo ao curso de mestrado em Biologia Parasitária na Amazônia da Universidade do Estado do Pará (UEPA) termina amanhã, 11. A taxa de inscrição custa R$ 150,00.

O candidato deve imprimir o formulário disponível na página de acompanhamento e no site da UEPA (www.uepa.br), além de efetuar o pagamento através de depósito bancário no Banco do Brasil, agência 3702-8, conta Corrente 102.158-3

O comprovante de pagamento e a ficha de inscrição, preenchida e assinada, devem ser entregues na Secretaria do Mestrado BPA da UEPA, localizada na Travessa Perebebuí, nº 2623, Bloco B (1º andar), no horário de 8h às 17h.

Conforme o edital, aqueles que residirem fora de Belém e do Estado podem enviar a ficha de inscrição preenchida com comprovante de pagamento em anexo, por SEDEX para o referido endereço.

No caso dos candidatos com necessidades especiais, é preciso que comuniquem, na ficha de inscrição, as condições necessárias para participação no processo seletivo.

A seleção está dividida em duas etapas. A primeira, de caráter eliminatório e classificatório, terá uma prova escrita e a segunda, também de caráter eliminatório e classificatório, será composta de apresentação e análise documental, bem como avaliação curricular.
Os resultados de cada etapa e os locais de prova serão divulgados aqui no site e no da UEPA.

Das 10 vagas ofertadas, quatro serão destinadas aos servidores técnicos e docentes
do quadro efetivo da UEPA ou Instituto Evandro Chagas (IEC), cinco para ampla concorrência e uma para portadores de necessidades especiais a serem preenchidas de acordo com os critérios de aprovação.

O programa de Pós Graduação em Biologia Parasitária na Amazônia (BPA) é vinculado ao
Centro de Ciências Biológicas e da Saúde (CCBS) – Campus II da Universidade do Estado do Pará (UEPA)_ e desenvolvido em parceria com o Instituto Evandro Chagas ( IEC).

Recomendado pela CAPES, ele está estruturado na área de concentração "Biologia de agravos infecciosos na Amazônia" e três linhas de pesquisa: Epidemiologia de Microrganismos e Parasitos; Fisiopatologia humana e experimental de processos infecciosos; e morfologia e genética de agentes infecciosos, parasitos e vetores de endemias na Amazônia.